sexta-feira, 29 de maio de 2015

De fim-de-semana

Lá vamos nós passar o fim-de-semana ao Luso.
O meu homem arranjou uma promoção na Odisseias e vamos passear, e ainda temos vouchers para irmos ao Portugal dos Pequenitos.
Vai ser muito bom.

Eu no Portugal dos Pequenitos



quinta-feira, 28 de maio de 2015

Ao ver as nossas fotos

Deu-me uma saudade de viajar.
Divertimo-nos tanto, foi sempre tudo tão bom.
Passeios enormes, dores de pernas imensas, mas sempre a querer ver mais e mais, conhecemos tanta coisa.
Mas depois a Pimpolha nasceu e a nossa vida mudou em todos os sentidos.
Gostava muito de viajar com a Pimpolha, mas a verdade é que nunca mais será o mesmo.








quarta-feira, 27 de maio de 2015

Lá vamos nós. (2)

Foi tão, mas tão bom.
A Pimpolha estava eufórica, fizeram todos os exercícios e depois foi hora de brincarmos todos juntos.
O que me espantou foi que eu era a única mãe, os outros eram todos os pais das crianças.
Foi tão giro.

Lá vamos nós.

Hoje temos uma actividade juntas.
Como é o último dia de natação, os pais podem ir e banhar-se com os seus filhotes.
Vai ser muito divertido.
Lá vamos piscinar juntas.

terça-feira, 26 de maio de 2015

É o primeiro aniversário longe de ti minha macaquinha.
Não vai ser fácil não ver-te, não tocar-te, não abraçar-te.
Amo-te muito minha macaquinha.
PARABÉNS!!!

sexta-feira, 22 de maio de 2015



O enlace

Custou-me muito, então a parte de dizer porque só se casam agora, se estão juntos há tantos anos e o meu pai é explicar que só agora ficou viúvo.
Baleleas, não se casou antes porque não quis, a minha mãe queria lá saber disso para alguma coisa.
Até parece que a minha mãe fazia questão de continuar casada com ele, só lhe trouxe dissabores nunca oficializar a separação.
Aguentei-me até ao fim, mas na parte final tive que sair e vir enxugar as lágrimas.
Não foi fácil, mas sobrevivi.
Que sejam felizes e que não me chateiem a cabeça.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Hoje

A minha Pimpolha anda a passear.
Lá foi ela toda contente para ir ao passeio.
Acredito que vai ser um dia em grande.



terça-feira, 19 de maio de 2015

Novidade

O meu pai vai casar-se na quinta feira.
Acabei de saber, telefonou-me para convidar-me.
Estou aqui a olhar e a pensar na novidade.
Não sei se ria se chore...sinceramente não sei....
O que também não sei, é se vou, tenho uma consulta no hospital e não sei se me despacho a tempo para ir testemunhar tão belo acontecimento.
Ai, minha vida...

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Sem chão...

Aconteceu-me algo que me deixou triste, muito triste, desacreditada....
Nem sei o que pensar, o que sentir.
Estou triste, ando triste, sou triste e levar com uma coisa destas, arrasou comigo.
Tento andar para a frente, todos os dias luto para continuar a sorrir, por mim, pela Pimpolha, mas assim é complicado.
E depois esta cabeça não pára, "Porquê?! Porquê?!".
Só queria deitar, dormir e acordar num dia feliz e sem tantas tristezas.

quinta-feira, 14 de maio de 2015

As coisas dela.

"Mãeeeeeeee, vou fazer os meus trabalhos de casa...."

Vamos ver, se quando tiveres mesmo que os fazer, se tens essa energia e alegria toda.


segunda-feira, 11 de maio de 2015

1 ano

Tem sido um ano muito difícil, a aprendizagem de viver sem ti, não tem sido nada fácil.
Sinto a tua falta todos os dias, penso em ti todos os dias.
Fazes-me tanta falta, mas tanta falta.
A Pimpolha fala tanto em ti e continua a perguntar quando te vai ver, que tem saudades tuas.
Doí-me tanto quando ela faz estas perguntas, é uma dor sem fim, porque custa-me imenso a Pimpolha não ter ao seu lado a avó, que ela tanto adora.
Queria-te tanto aqui, que o meu telefone voltasse a tocar e fosse a "Mãe".
Ai minha mãe, que saudades tuas, saudades que aumentam a cada dia que passa, a cada data especial, a cada ida aos nossos sítios e eu estou lá sozinha.
Falo contigo todos os dias, mas não te ter ao meu lado, não te sentir, não te ouvir, é uma aflição.
Tento acreditar que estás perto de mim, que estás comigo, mas por vezes é tão difícil pensar que sim....
A minha vida continua, mas com um vazio, algo que nada nem ninguém consegue preencher.
Amo-te mãe, para sempre e sempre.


sexta-feira, 8 de maio de 2015



Já está...

A minha Pimpolha matriculada.
Agora é aguardar se entra, para onde entra.
Agora vão ser 2 meses de ansiedade para saber para onde vai.
A vida dela vai mudar, a sua rotina, os seus hábitos, os amiguinhos, o espaço, tudo vai ser uma novidade....está a crescer a minha menina.
E eu acho-a tão pequenina para ir para a primária....vamos ver.


quarta-feira, 6 de maio de 2015

Falta de educação

A coisa que mais me tira do sério é dizer "Bom Dia", " Boa Tarde" ou "Boa Noite", e do outro lado não ouvir nenhuma resposta, nem ai nem ui.
Hoje entrei no meu prédio, e estava uma rapariga daquelas todas bem vestidas, giras, cheia de fios e pulseiras, que cheirava a perfume a 50 metros, a mexer no seu telemóvel todo xpto.
"Bom Dia", disse eu, como faço sempre a quem está à minha frente.
Do outro lado lado, nenhuma resposta.
Realmente podemos ser lindas de morrer, mas sem educação o brilho vai-se todo.
A educação é um principio básico, um valor essencial, mas só para alguns...

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Dia da Mãe

O meu miminho, tão bom.
Ela andava em pulgas para me dar, e só me dizia para abrirmos.
Ontem quando lhe disse que era o dia, que ia abrir, ficou muito contente.